segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Preparação

O blog vai passar por umas mudanças, então... aguardem os próximos posts que vão estar bem legais.

sábado, 19 de outubro de 2013

O que é ZUMBA? E por que AMAR?

Zumba é uma série de exercícios que nem parecem que são parte da sua malhação, substitui a corrida ou qualquer outro exercício aeróbico que você faça, e se não faz é uma ótima maneira de começar, pois nem parece que você está se exercitando.

Mistura várias coreografias de músicas latinas como: Salsa, Reggaeton, Cumbia, Merengue e as vezes Samba.
Como uma apaixonada por música latina que sou, quando ouvi falar dessa aula quase enlouqueci, quando comecei a fazer a seguir as coreografias me divertia tanto que as vezes a preguiça que eu sentia no comecinho ia logo embora, adoro dançar apesar de não ser expert nisso. Mas começar com algo tão informal como a dança para exercício aeróbico foi o que me incentivou a continuar com os exercícios todos os dias.

Mesmo quando eu estava chateada ou triste, era só começar a dançar que meu humor mudava.

E os exercícios diários fizeram sumir as minhas dores e claro meu fôlego é muito melhor.

E o melhor de tudo foi quando eu vi que uma aula de ZUMBA QUEIMA EM 1 HORA 1000 CALORIAS!!!!!

Como não amar?

Dica de aula do Youtube pra você seguir em casa, afaste os móveis e dance por 40 minutos e perca 800 calorias, e se divirta HORRORES!!!


quarta-feira, 16 de outubro de 2013

E quando uma burguesinha entristece? NADA DE MAIS

Ela tem pai, ela tem mãe
tem família, tem tudo!
Computador, celular, roupas e tudo
E se ela entristece?
Nada de mais 

Triste por que? Motivo não tem!
Motivo tem os outros
Sentir dor não dá... Se ela entristece tem que guardar
E se ela fica louca e quer se matar aos 16?
Nada de mais

Matar-se porque não é ninguém
Seria um peso a menos na vida de alguém
Ela se maquia, sai, conversa, finge estar feliz
Mais ou menos uma de você
Nada de mais

Ser feliz por que? Para quem?
Ela não pode questionar
Ela não trabalha, ela está na faculdade
Por que a tristeza, Classe Média?
"MENINA DE CLASSE MÉDIA SE MATA POR SE SENTIR
NADA DE MAIS"

sábado, 12 de outubro de 2013

#Devoltaaos15 #projetoverão2014 - DIA 13 (100ª postagem do blog)

Olá pessoal, estou aqui para dar um update de como está sendo meu projeto!
Desde o dia do último post sobre isso passei por duas fases de exercícios. A primeira foi que passei uma semana fazendo só exercícios aeróbicos para ganhar alguma resistência física, para ter fôlego de malhar de verdade e fazer exercícios localizados e na última terça feira comecei a fazer exercícios que a Barbara Eckonen, do Blog Fitnistas, postou a mais de um ano atrás para um projeto chamado "Transformação das Fitnistas" que dura 30 dias e cada dia é uma série de exercícios.
Estou super conseguindo manter os exercícios, a alimentação também, apesar de que as vezes dá vontade sim de comer besteira, estou resistindo bem a refrigerantes e doces, hoje por exemplo estou morrendo de vontade de comer salgadinhos, não sei como eu vou fazer.
Enfim, mas dia 10/10 eu me pesei por curiosidade e eu já tinha emagrecido 2 kg! E fiquei super animada, acordo pensando no próximo treino, apesar de estar SUPER DOLORIDA, me mexer é um sacrifício, o pior dia até hoje, é hoje rs! 
A minha próxima pesagem será dia 21/10, queria perder 7 kg até dia 10/01/2014, mas pelo que eu já vi acho que vou conseguir emagrecer mais, não sei, dezembro é complicado de manter exercícios e dieta, meu aniversário, aniversário da minha irmã, fora as festas de fim de ano.
Mas estou super animada apesar das dores, sempre que termino os exercícios sinto como se meu dever estivesse cumprido.
Hoje é meu 13° dia, no nono dia tirei uma foto, quando chegarmos ao fim da transformação, desses 30 dias eu coloco aqui as fotos para comparação para ver se vamos ter alguma diferença. Tomara que sim, senão vou ficar bem frustrada!

Até o próximo post, beijos, Tchau!

#foco #força #fé #devoltaaos15 #projetoverão2014 #transformaçaodasfitnistas #faltam13kg

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

O que achei de: Juliette Society

Livro: Juliette Society
Autor(a): Sasha Grey
Editora: Quinta essência
234 páginas

Livro escrito por Sagra Grey, agora ex atriz pornô, famosíssima e aclamada pelo público de seus vídeos e filmes.
Antes dos 30 aposentou-se e escreveu um livro chamado Juliette Society que não poderia ser sobre mais nada além de sexo, mais precisamente a história a Catherine uma estudante de Cinema que tem uma vida normal, mas que seus desejos e fantasias sexuais são coisas não tão consideradas comuns.
Ela tem o namorado que não lhe da atenção devida por causa do trabalho, uma quedinha pelo professor da faculdade e uma amiga que faz vários pornôs para pagar a faculdade.
Essa é a vida de Catherine.
Ao ler o texto várias vezes tive que parar e tentar digerir a imagem formada na minha cabeça, não que seja puritana, muito pelo contrário, tenho a mente aberta e na maioria das vezes tentei entender o prazer dela naquilo situação. Mas, não consegui. Por mais que em algumas vezes conseguisse acompanhar o desejo dela e sentir o que ela estava sentindo. Na sua maior parte não achei as situações e descrições excitantes, talvez por não ser meu tipo de tara.
Achei que esse livro pode causar nos homens o mesmo efeito que "50 tons de cinza" teve na maioria das mulheres. 

terça-feira, 8 de outubro de 2013

O que achei de: Ágape

Livro: Ágape
Autor: Padre Marcelo Rossi
Editora: Globo
127 páginas

Um livro de uma simplicidade e serve, pelo menos serviu para mim, para relembrar o porque da prática católica.
Digo logo que se não fores católico, logo não tens porque ler esse livro, por mais que o fale do amor Ágape que Deus tem por cada um de nós e que o amor é algo que deve ser praticado.
Como a visão é extremamente católica dificilmente tocará o coração de alguém que não compreenda os ritos e devoções tão entranhadas na religião.
Acho um  ótimo por exemplo para católicos praticantes e afastados que assim como eu, mas que querem voltar, e esse texto traz a esperança e a coragem que se precisa.
Tocada várias vezes pela palavra de Padre Marcelo Rossi. As lágrimas rolaram por cima das páginas. 
Indico essa leitura como obrigatória para todos que um dia se disseram católicos.

sexta-feira, 4 de outubro de 2013

O que achei de: Um Homem de Sorte (Livro)

"Amar não significa estar junto, mas sim querer ver a pessoa feliz , mesmo que isso custe a sua felicidade."

Sinopse:

Logan é um jovem que esteve no Iraque com as forças dos Estados Unidos. Em um dia de treinamento ele encontra, no meio do deserto, uma foto de uma garota loira e linda. De início ele coloca aquela foto no mural para que o dono a encontre novamente. Mas passa algum tempo e ninguém a tira de lá, então, ele resolve tira-la de lá e guarda-la com ele. Após sobreviver a vários atentados e bombas e após vários jogos ganhos, Victor, seu amigo e também fuzileiro, tenta convencê-lo de que essa sorte sem tamanho tem vindo daquela foto. Ele era um homem de sorte graças àquela garota, graças àquela foto.

Um homem de Sorte é mais um livro do Nicholas Sparks que a maioria conhece, mas que mesmo assim vou trazer uma introdução ao autor.
Nicholas Sparks é um romancista estadunidense, Nascido em 31 de dezembro de 1965 (47 anos), Omaha, Nebraska, Estados Unidos. Autor de vários best-sellers e vários romances que foram adaptados para o cinema entre eles: Querido John, Diário de uma paixão, Um amor para recordar, A última música e , claro, UM HOMEM DE SORTE, que teve como protagonista Zac Efron interpretando Logan Thibault.

Bom, o estilo de escrita é o clássico do Nicholas Sparks. Quem já leu um livro do autor sabe identificar a escrita do autor em qualquer outro texto. A história é intrigante: um sargento do exército encontra uma foto no Iraque e guarda. Essa foto se torna seu amuleto, depois que volta para a casa da mãe nos Estados Unidos e de passar por uma situação muito ruim com seu melhor amigo, Logan começa uma caminhada pelo país, a procura da moça que aparece naquela foto. Isso mesmo UMA CAMINHADA!!

Ele parte de Colorado e quando chega a cidade de Hampton e encontra, Beth que é a garota da foto. E a partir daí a história se desenvolve.

Sendo Thibault um fofo, Beth meio sem sal, o Ex marido de Beth o personagem mais insuportável, sério, eu queria entrar no livro e esganar esse cara.

Digo minha HUMILDE OPINIÃO de que o livro é bom até as 5 páginas finais... sério o final desse livro é absurdo, e foi a única coisa que eu não gostei mesmo nesse livro.

Minha nota para ele no SKOOB foi de 3 estrelas, quase duas, mas como foi só o final que não valeu a pena.

Enfim... quem já leu comenta, quem não leu leia e tenha sua própria opinião.
Beijos


quarta-feira, 2 de outubro de 2013

O pocotó de Liev Tolstói - O que achei de KHOLSTOMÉR

Como está na minha descrição agora sou uma estudante de Letras e literatura é o que eu engulo todos os dias!
Ontem, conversando com uma colega dividi minha angústia sobre ainda ter dificuldade com a poesia e as prosas muito enfeitadas que nossos geniais autores adoram fazer, mas que ainda me assustam e muito. Ela me disse que eu vou ganhar instrumentos para conseguir analisar um texto desse, as técnicas eu vou aprender. Papo vai papo vem eu disse que preferia a prosa, e ela disse que o que o meu gosto pessoal será majoritariamente ignorado na faculdade de Letras e o que vai importar será minha análise técnica sobre o texto, analisando ritmo, construção, tema, tempo histórico e vários outros detalhes que sinceramente achei que nem faziam diferença até entrar na faculdade.
Eu que sempre gostei de expressar minha opinião sobre assuntos que conheço, fiquei um pouco chateada, pois a Graduação em Letras nesse pouco tempo já me abriu tantos horizontes e agora que vai começar a apresentar textos, eu não posso dar minha opinião?? Nananinanão!
Vou me aproveitar do espaço internet e desse blog para expressar minha opinião até mesmo de clássicos. Hoje por exemplo vamos falar de TOLSTÓI, mais precisamente do conto Kholstomér.
Tolstói é um escritor russo, e os russos sempre me assustaram, não os russos em si mas os escritores, pois achava que a escrita seria muito complicada e erudita e que eu nem tinha vocabulário para ler. E graças a Deus eu dei com a cara na parede. E AMEI o primeiro conto que li dele.
"Kholstomér" conta a história de um cavalo, na maior parte do tempo do ponto de vista de um cavalo, das relações entre os cavalos (olha que legal), e fala das relações humanas de um ponto de vista mais "inocente", na verdade um ponto de vista de fora que não está inserido na realidade tão humana que é tão inerente que nem se faz perceber e até é difícil identificar do nosso ponto de vista humano.

Como lidamos com ter as coisas, e até mesmo ter pessoas.
Não vou falar muito mais do que isso mas quero deixar alguns trechos que me chamaram a atenção e espero que só dessas partes já desperte a curiosidade de ler esse conto, que a versão digital está sendo vendido na Saraiva por R$8,00

"Convencionaram entre si que, para cada coisa, apenas um deles diria "meu". E aquele que diz "meu" para o maior número de coisas é considerado o mais feliz, segundo esse jogo. Para quê isso, não sei, mas é assim. Antes eu ficava horas a fio procurando alguma vantagem imediata nisso, mas não dei com nada."

"..., o conceito de "meu" não tem nenhum outro fundamento senão o instinto vil e animalesco dos homens, que eles chamam de sentimento ou direito de propriedade."

"As pessoas não aspiram a fazer na vida o que consideram bom, mas a chamar de "minhas" o maior número de coisas"

Fica aí a dica, de que como eu, se você tem medo desses autores, enfrente! E se ainda não leu leia, vai abrir seus horizontes e te fazer pensar, e isso sempre é bom, é o objetivo principal da literatura-arte.

Um beijo pra vocês e até a próxima!

Tag dos 50%

Olá pessoas, demorei para voltar por motivos de final de semestre, e é exatamente por isso que eu estou de volta vou fazer essa Tag para fal...